Meu cachorro mordeu um porco-espinho. O que fazer? - Camas para Cachorros e Gatos Lassie

Meu cachorro mordeu um porco-espinho. O que fazer?

Aqui na fazenda sempre encontramos animais nativos!

Olhem só este porco-espinho que encontramos em uma árvore na frente de casa…

Porco-espinho no ninho

Descobrimos que ele estava lá porque nossos cães estavam latindo sem parar e tentando subir na árvore. Infelizmente os cães ficam muito instigados com estes bichinhhos… E é aí que mora o perigo!

Prendemos nossos 6 cães e removemos o animal com ajuda de um técnico florestal.

Segurando um porco-espinho

Olhem como ele é bonitinho! Este é um filhote ainda, mas já possui uma grande quantidade de espinhos.

Após termos segurado ele com toda a delicadeza do mundo e sem apertá-lo de jeito nunhum, a nossa luva ficou cheia de espinhos! Mas como isso aconteceu?

espinhos

Assim que o animal se sente “preso” ele desprende os espinhos do corpo, e os mesmo se inserem na pele. Os espinhos são muito afiados, por isso entram com tamanha facilidade.

Levamos este porco-espinho para bem longe, mas como aqui no jardim não tinha somente este, no dia seguinte a Café apareceu com a boca e o focinho cheinho de espinhos (pela 9° vez).

Cachorro com espinhos na boca

A Amelie, o Tulio, a Lassie e a Doris também tinham alguns espinhos, mas eram 2 ou 3 e pudemos retirar tranquilamente sem ter que levá-los ao veterinário. Neste caso, basta puxar o espinho com rapidez no sentido em que ele se encontra.

Já a Café, tivemos que levá-la imediatamente ao veterinário para tomar anestesia e retirar todos os… 268 espinhos!

 

Se seu cachorro tiver espinhos, siga os seguintes passos imediatamente:

  • se ele for calmo e forem poucos espinhos, retire-os o quanto antes;
  • se ele for agitado, leve ao veterinário;
  • após a retirada dos epinhos, lave toda a área que estará machucada com água em abundância;
  • dê os remédios que forem receitados pelo veterinário.
  • No dia seguinte seu cachorro já estará bem!

Atenção: os espinhos entram cada vez mais na carne do cão porque a ponta é como uma pequena lança, e uma vez dentro do corpo podem perfurar algum orgão vital, por isso há urgência em retirá-los.

Mitos e verdades:

Os porcos-espinhos não atacam os cães e também não lançam seus espinhos por aí. Simplismente eles desprendem os espinhos do corpo quando se sentem presos, no caso, pela boca do cão.

Os cães não matam estes animais pois não conseguem mordê-los, a não ser se que o porco-espinho se encontre de barriga para cima, onde não há espinhos.

Nunca corte os espinhos, retire-os da pele pois eles são infectados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *