Pós-cirúrgico dos pets - dicas para cuidados ainda melhores - Camas para Cachorros e Gatos Lassie

Pós-cirúrgico dos pets – dicas para cuidados ainda melhores

Muitos do nossos pets acabam tendo que operar por diversos motivos durante a vida, mas vocês sabem ter os cuidados certos no pós-cirurgico?  A maioria, graças ao bom senso comum das pessoas (!!), opera quando são castrados, já outros operam por motivos mais graves como retirada de tumores ou cistos, motivos ortopédicos, etc. Não importa o porquê, o que têm que ter mesmo é um bom pós cirúrgico para seu pet se curar rapidamente.

 

Dicas

– Antes de levá-los para a cirurgia, lembre-se de preparar a casa para a chegada deles. Nosso maior conselho é um local ideal para deitar. Uma boa dica é a Cama Suspensa Brandina pois é macia, confortável, deixa respirar a pele. O cão ou gato ficam suspensos do chão, evitando o contato com o solo duro e as vezes muito gelado. É bem higiênica no momento da limpeza podendo lavá-la ou somente trocar a Capa Protetora, facilitando no dia a dia do pós cirúrgico.

 

Pós cirúrgico do seu pet - cama suspensa Brandina
Pós cirúrgico do seu pet – Lunna Bandeira na cama suspensa Brandina

 

– Roupa pós cirúrgica ou colar elizabetano, cabe ao dono decidir. Nós aqui da Matilha da Lassie sempre preferimos, nos caso das castrações, a roupinha, mas se a cirurgia for em uma das patas, por exemplo, o pet deverá utilizar o colar elizabetano. Ficam com cara de triste, derrotados e desanimados, mas nada de ter dó, pois é sempre melhor que ele se cure bem e rapidamente!

 

Pós cirúrgico do seu pet - roupa para fêmeas
Pós cirúrgico do seu pet – roupa para fêmeas

 

Pós cirúrgico do seu pet - roupa para machos
Pós cirúrgico do seu pet – roupa para machos

 

– Converse com o veterinário e compre os remédios. É tranquilizante saber que você já tem todos os remédios “na mão”! Geralmente eles irão tomar antibiótico e antinflamatório, além dos analgésicos para aliviar os desconfortos.

– REPOUSO! Seu pet deverá ficar de repouso mesmo que pareça super disposto a dar uma voltinha no quarteirão. Mais uma vez, nós aqui da Matilha da Lassie, deixamos nossos pets 10 dias repousando em local fechado (num quarto, por exemplo), não dando a liberdade de pular, correr e saltar. Parece maldade mas leia abaixo o que aconteceu…

[ Quando castramos a Amelie a veterinária deu somente 5 dias de repouso, e após este período liberamos ela para a “vida loka” de sempre. Bom, ela quase morreu pois se esgotou de tanto brincar e não podia. Não cometam nosso mesmo erro: melhor alguns dias a mais descansando.]

– Quando pets tomam remédios geralmente ficam enjoados. Tente sempre dar os remédios depois das refeições, assim estarão de estômago cheio e ajudará a não enjoar.

#DicaespecialDaMatilha

– Tá difícil dar comprimidos para eles? AHÁ! Aqui na Matilha desenvolvemos um método pra lá de eficiente: pegue uma colherinha de requeijão e coloque na palma da sua mão. Coloque o comprimido lá. Dê para seu pet lamber e se deliciar!! 🙂

[AIH de você se vier me falar que cachorro e gato não pode comer requeijão, hein?! Dar remédios é importante e eles não vão morrer por comer 10 dias de requeijão.]

– Cuidado redobrado com moscas pois elas colocam ovos e isso significa bicheira.

– Não deixe de voltar no veteriário para o retorno do pós cirurgico. As vezes o pet já parece bem e relutamos a ir lá conferir, mas vale o esforço. Médicos são médicos e são eles que sabem como conduzir e avaliar a situação.

Nota IMPORTANTE sobre a castração

Nunca sintam dó dos pets que vão castrar. Isso é um ato de AMOR VERDADEIRO! A população de cães e gatos abandonados todos os anos é sempre um alarme para nós, como se fosse um lembrete para castrar os machos e fêmeas para que não procriem de forma incontrolável.

Cada cachorra, por exeplo, por ficar até 12 anos no cio. Cada ano ela tem 2 cios, sendo que se for de porte grande, chega tranquilamente a ter 8/10 filhotes. Isso dá uma média de 18 filhotes por ano… Uma loucura! Agora loucura maior ainda é pensar que uma parte desses filhotes também são fêmas e que terão a mesma quantidade de filhotes e etc etc etc.

Sacaram a importância da castração? Além disso, a castração das fêmas previne o câncer de mama e de útero, e a castração dos machos ajuda a serem menos agressivos (em certos casos), além de diminuir a marcação de território, isso se traduz assim: menos xixis pelas paredes, pneus, móveis, sofás e etc.

Na cidade de São Paulo, por exemplo, cada número de rg tem direito a castrar de graça 10 animais. Isso é fenomenal. Para saber mais clique aqui.

Essas foram as dicas para seus pets no pós cirurgico, todas elas baseadas na nossa experiência aqui com a Matilha da Lassie. Espero que tenham gostado e que possam colocar em prática nossas dicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *